Estudar nas férias muitas vezes será necessário! Você achou que seria só relax e zoeirinha com a galera? Ah, ta! Dá pra aproveitar muito bem das duas formas, mas é preciso estar ligado sobre o quanto esse período pode ser importante para a preparação para os vestibulares e para outras finalidades de estudos.

Alguns hábitos durante as férias darão aquele verdadeiro “up” na sua dedicação e concentração! É possível conseguir bons resultados aproveitando as férias para estudar e, ainda assim, se divertir e ter tempo para todas as coisas boas que esse momento lindo nos proporciona. Aí sim, hein!

Pra você voar nos estudos durante as férias e também se divertir, trouxemos 7 dicas importantíssimas que você verá a seguir! Lê aí!

1. Esqueça o estudo integral e excessivo

Se liga, você está de férias! É ótimo que você queira estudar nesse período — isso mostra o quanto está determinado e com o seu objetivo bem definido. Mas não precisa ficar trancado em casa o dia inteiro se dedicando aos estudos. Quer ver aquela série? Veja! Quer dar aquele rolé com os amigos? Vai lá! Quer ver seu/sua @? Vai correndo!

O importante é que você coloque na cabeça que esse período deve ser bem equilibrado, dividindo o comprometimento dos estudos com muita diversão e descanso! Provavelmente seu ano foi de muita dedicação, então agora a hora é de se permitir fazer o que gosta, beleza?

2. Faça uma programação diária

Para que tudo seja cumprido, o melhor a ser feito é uma programação diária. Com essa organização você conseguirá estudar e fazer as suas outras coisas. Sem esse cuidado você correrá seríssimos riscos de passar o dia no edredom vendo Netflix, jogando online, na praia fazendo registro pro stories ou qualquer outra molezinha.

Trace quantas horas e em qual período do dia você vai parar tudo que está fazendo para dar uma estudada. À noite é melhor para você? Ótimo! Já tem planos noturnos? A parte da tarde é muito boa para se dedicar aos conteúdos! O importante é definir isso antecipadamente e seguir com responsabilidade.

3. Acorde tarde se preferir

É sério, acredite! Por que você deveria acordar cedo durante suas férias após ter feito isso com muito empenho durante todo ano? Com certeza esse foi seu maior desejo durante todo o tempo que passou se dedicando aos estudos e até mesmo à escola e, agora que pode, vai abrir mão disso? Não dá esse mole!

As férias precisam ser um momento em que você descanse, e dormir bem é ótimo para que você esteja disposto na hora de cair dentro dos estudos. Convenhamos, dormir é uma das melhores coisas dessa vida, então seja feliz, mas dormindo!

4. Dedique-se às matérias que tem mais dificuldade

Infelizmente a vida não é só crushes, rolés e séries (bem que poderia ser, né?). Algumas disciplinas realmente tiram o ânimo dos estudantes, até porque é comum: todo mundo tem seu Calcanhar de Aquiles! Mas é justamente nas férias em que dá pra buscar uma melhora nisso em que você não manda tão bem!

Fazer uma espécie de estudo intensivo em cima dos conteúdos que você tem dificuldades é uma maneira muito eficiente de conseguir aquele equilíbrio que todo aluno busca. Imagine o quanto será bom se você passar suas férias se dedicando à disciplina que não manda tão bem? O resultado será muito positivo! Você sofrerá um pouquinho, mas depois vai ver como foi bom vencer essas dificuldades!

5. Pratique atividades físicas

Sai da toca! Largue um pouco as séries, sua caminha fofinha e seu videogame! Os exercícios físicos fazem muito bem, não só para aparência, mas também para a saúde de um modo geral. O legal é que você pode fazer o que for de sua preferência: esportes, caminhada, corrida, academia e muitas outras coisas.

Os estudos dependem muito da condição física do estudante, pois só estando bem é possível chegar ao máximo da capacidade intelectual. Além disso, fazer atividades promove um funcionamento melhor do cérebro. Sendo assim, dedique um tempinho do seu dia para se mexer e suar. Você ainda entra em forma e fica 10/10!

6. Vá com calma ao estudar nas férias

Certamente você se deparou com muita coisa pra estudar durante o ano! Se sua cabeça não pifou agora, não é nas férias que você vai correr o risco de ficar doido, certo? Sendo assim, não precisa estudar tudo novamente. Vá com calma e saiba dosar o que você reverá durante esse período.

Exagerar pode acabar te causando fadiga, confusão e até mesmo dar branco. Lembre-se também que você precisa estar 100% pro ano que está por vir. Foque em conteúdos específicos e pontuais, sem exagerar no fluxo de assuntos. Estudo excessivo? Tô fora! Pego meu edredom e vou embora (dormir)!

7. Leia um bom livro à sua escolha

O ano letivo foi marcado pela leitura obrigatória de um monte de livros, não é mesmo? Isso acabou tomando todo seu tempo e você não conseguiu ler aquele título que queria. Sendo assim, agora é hora de fazer isso! Aproveite e devore um (ou quantos você quiser) livro de sua preferência durante o tempo que você terá nas férias.

A leitura é uma importante forma de adquirir conhecimento, independentemente se o tema é relacionado ou não a alguma disciplina cobrada na escola ou nos vestibulares. Afinal, agora é hora de você ser feliz, né? Escolha um bom livro e exercite o enriquecimento do seu vocabulário pra falar (escrever) bonito nas redações!

As férias chegam e com elas vêm a liberdade de poder fazer o que quiser! Os estudos nesse período são ideais para quem quer dar uma ênfase maior em disciplinas específicas, aproveitando pra tirar o atraso no que ainda não está 100%!

Faça tudo com equilíbrio! Saia com amigos, durma (bastante), pratique atividades, assista séries e mais tudo que você quiser! Há tempo para tudo. Estudar nas férias é um bom recurso, mas não deve substituir totalmente os momentos de menor responsabilidade, certo?

E aí, legal saber um pouco mais sobre essas dicas, né? Aproveite e ajude aquele teu amigo: compartilhe este post em suas redes sociais para que ele também possa aproveitar o conteúdo! Além disso, você pode garantir 20% de desconto em todos os planos da plataforma, apertando agora no botão abaixo. Não perca essa oportunidade!

cupom-desconto-20-porcento

Comentários